Facebook Twitter YouTube RSS
Home Notícias Volkswagen do Brasil cada vez mais sustentável
formats

Volkswagen do Brasil cada vez mais sustentável

Publicado em 13 de maio de 2013 em Notícias

volkswagenA Volkswagen do Brasil foi a primeira indústria automobilística a investir em infraestrutura para gerar energia limpa e renovável no País e também a pioneira no quesito sustentabilidade. Em 2010 foi inaugurada a PCH (Pequena Central Hidrelétrica) Anhanguera, que é uma parceria entre a Volkswagen do Brasil, a SEBAND e a Pleuston. A PCH Anhanguera gera cerca de 18% da energia elétrica utilizada pela Volkswagen do Brasil e recebeu o Certificado de Emissões Reduzidas (CER), ou Créditos de Carbono, como são chamados,  aprovado pela Organização das Nações Unidas (ONU). O certificado atesta que a usina hidrelétrica é uma iniciativa sustentável de geração de energia, que contribui para reduzir a emissão de gases causadores do efeito estufa.

Assim a Volkswagen reafirma um de seus objetivos que é criar veículos cada vez mais eficientes em desempenho dinâmico e na relação com o meio ambiente. Os modelos da marca que são produzidos com tecnologias mais avançadas nesse sentido recebem a designação BlueMotion Technologies, que identifica as novas tecnologias desenvolvidas e aplicadas pela Volkswagen para reduzir o consumo de combustíveis e emissões. Reconhecidas internacionalmente por sua eficiência, as tecnologias BlueMotion abrangem alguns dos motores e câmbios mais avançados e contribuem para preservar os recursos energéticos.

O conceito BlueMotion Technologies é oferecido como versão nos modelos Fox e Polo, equipados com o motor 1.6, e como pacote opcional para o Novo Gol e o Novo Voyage, com motor 1.0. No caso do Polo BlueMotion, o objetivo foi reduzir em até 15% o consumo e as emissões, com aprimoramentos na aerodinâmica, na transmissão, na suspensão e no uso de “pneus verdes”, com menor resistência ao rolamento.

O programa Bomba d’Água Popular (BAP), gerenciado pela Volkswagen do Brasil, proporciona abastecimento gratuito de comunidades do semiárido brasileiro. O programa já instalou 1.001 bombas nos nove Estados que formam o semiárido (Alagoas, Bahia, Ceará, Minas Gerais, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe), beneficiando mais de 140 mil pessoas que moram em comunidades carentes, onde, muitas vezes, não há acesso à água.

Apoiado pela Volkswagen do Brasil desde 2005, data de início das operações do programa, o Bomba d’Água Popular promove a subsistência das comunidades por meio da instalação de bombas que buscam a água dos lençóis freáticos. A água adquirida por meio das bombas pode ser utilizada de diversas formas, inclusive para beber, cozinhar e na higiene pessoal. O abastecimento gratuito e diário também permite que as comunidades do semiárido brasileiro desenvolvam atividades econômicas, como a criação de animais e a agricultura.

Para ler mais notícias, clique em  www.blogdarecreio.com.br. Informações sobre a Recreio Rio visite nosso site. Siga-nos no Twitter e Facebook .

 
 Share on Facebook Share on Twitter Share on Reddit Share on LinkedIn
No Comments  comments 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Recreio Rio 2012
credit